Porque é que a minha vida não avança?

Porque é que a minha vida não avança?

Está cansado de sentir que a sua vida não avança? Sente-se desconectado, como se estivesse a viver uma vida que não lhe pertence? As oportunidades até aparecem na sua vida, mas não se concretizam. E no fim do dia, é como se estivesse constantemente numa luta interior contra si próprio, e já não tem mais forças para lutar contra a maré?

E se eu lhe disser que a vida não precisa de ser assim?

A realidade é que, por mais sombrio que tudo possa parecer agora, o mundo não está rodeado de pessoas más e egoístas. É possível viver num mundo em que os seus sonhos, e objetivos pessoais e profissionais se podem tornar realidade. Pode começar ainda hoje a atrair relacionamentos positivos e bênçãos constantes para a sua vida, só precisa de uma pequena mudança.

Venha descobrir como é que pode mudar a sua realidade, sem ficar preso na vitimização, resignação, culpa ou julgamentos, com o que já tem dentro de si!

Mas porque é que a sua vida não avança?

Cada um de nós nasce com um propósito, e ninguém existe nesta terra sem motivo. Contudo, ao longo da nossa vida, com as expectativas que nos são impostas pelas sociedade e pelos outros, com os traumas, dores e desilusões que sofremos, e todas as nossas experiências no geral, vamos nos esquecendo da pessoa que verdadeiramente nascemos para ser.

Passamos a viver da culpa, do medo, da revolta, e quando damos por nós, passamos mais tempo a julgar e a culpar os outros pela direção que a nossa vida tomou. Vamos nos esquecendo que a nossa vida é uma responsabilidade nossa, e um fruto das nossas próprias ações.

Todos os desafios que a vida nos coloca são especialmente desenhados para nós, de acordo com o nosso karma e o nosso dharma – são aquilo que nos comprometemos a enfrentar e a ultrapassar nesta vida. Por vezes, podem nos parecer injustos, e difíceis de aceitar, mas é sempre uma decisão nossa ficar presos no “porquê”, ou decidirmos mudar a nossa perspetiva, para podermos compreender e aceitar, sem ressentimentos.

Como desbloquear, se a vida não avança?

A nossa vida só se desbloqueia quando entendemos que temos responsabilidade e poder sobre ela. De que nos serve cuidar dos outros, se não cuidamos de nós? De que serve julgarmos a vida do vizinho, se nem sequer temos coragem de olhar para a nossa?

Quando assumimos a responsabilidade e o poder que temos na nossa vida, resgatamos o nosso compromisso com a nossa felicidade, evolução e equilíbrio interior. Reconhecermos as armas que temos dentro de nós para comandar a nossa vida, ampliamos a nossa consciência e conseguimos libertar-nos de tudo o que antes éramos reféns. Conseguimos ver o Universo como uma fonte de imensa felicidade, saúde e abundância.

Só quando sentimos em nós, o impacto que as nossas escolhas tem na nossa vida, é que poderemos analisar, sentir e reconhecer se as queremos manter, ou que outras decisões é que podemos tomar, aceitando a nossa responsabilidade nas consequências que as nossas escolhas tiveram no passado.

A nossa vida não avança enquanto não desejarmos mudar. Se em vez de procurarmos respostas nos outros, olharmos para dentro, vamos conseguir seguir o nosso propósito de vida, independentemente dos fatores externos.

Comece por aplicar estes princípios:

  • Deixe de reclamar – Se continuar sempre a culpar os outros pela sua vida, estará a ser uma personagem secundária numa vida que é a sua. Deixe de esperar que os outros entendam aquilo que está a sentir, e opte por usar essa energia para transformar todas as situações em algo positivo para si.
  • Seja honesto consigo – Tenha coragem de fazer a si próprio as perguntas difíceis, e não tenha medo de ser vulnerável nas respostas. Por mais doloroso que possa ser enfrentar a realidade, só assim é que pode descobrir de verdade o que pensa, gosta e sente – e que rumo dar à sua vida.
  • Não se esqueça do seu poder – Independentemente de qual for a situação, lembre-se de que tem poder de escolha, e que pode mudar a sua vida.
  • Não se compare aos outros – Cada um de nós está a viver a sua jornada, e todas elas são diferentes. Se se estiver sempre a comparar aos outros, está a impedir-se de avançar.
  • Seja o seu melhor amigo – É natural errar, e sentir-se perdido de vez em quando. Não se martirize por isso, nem se deixe entrar em espirais autodestrutivas, que não o levam a lado nenhum.

Como me vou sentir depois da minha vida desbloquear?

Todos os dias, no Instituto Hoya, ajudamos quem chega até nós a desbloquear a sua vida, e a conseguir entrar em conexão com o seu verdadeiro propósito e essência.

Veja o que diz quem já experimentou:

“É muito fácil culpar a outra pessoa, a negação de responsabilidade, eu sabia-o bem! E então, um dia tornei-me no meu próprio patrão, criei a minha própria pequena empresa de uma só pessoa.

Desta vez já não podia esconder-me atrás de desculpas ou culpar outras pessoas, estava sozinho a enfrentar as minhas responsabilidades. Pouco a pouco fui passando de uma pessoa hesitante e tímida, para uma pessoa determinada nas suas escolhas (mesmo que, por vezes, fossem más). Eu tinha de olhar as pessoas diretamente nos olhos, sem pestanejar ou tremer, e a minha palavra tinha de ser fiável. E acima de tudo tinha de manter os meus compromissos para com os meus clientes, se quisesse ser pago! Era portanto impossível para mim esconder-me por muito tempo!

Assumir as suas responsabilidades, é um processo complexo… Quer se trate de responsabilidades profissionais ou pessoais, a natureza de cada pessoa é diferente, algumas pessoas tímidas, ou que não têm confiança em si próprias, irão enfrentá-las de forma diferente, ou tenderão a ser bastante discretas para as evitar. A Daniela do Instituto Hoya pode, talvez tal como fez comigo, permitir-lhe recuperar o seu legítimo lugar na sua vida, de facto, com técnicas de meditação e massagem. A Daniela foi capaz de me devolver a boa vibração do momento presente. O meu corpo e a minha mente foram capazes de encontrar o “aqui e agora”, sem julgamento, em aceitação.

A Daniela pode ajudá-lo a aprender a assumir as suas responsabilidades, sem que elas se tornem um peso enorme. Por vezes, as preocupações e obrigações podem tornar-se esmagadoras, mas é possível com a prática dissociá-las da sua mente, e continuar a gozar a vida sem se enfatizar demasiado sobre problemas que ainda não existem.

Pode parecer um pouco louco para alguém que nunca experimentou, mas a abordagem holística proposta pelo Instituto Hoya funciona! À medida que as sessões foram passando, fui ficando mais entusiasta, mais sorridente, mais agradável, sinto-me mais livre, tenho mais confiança em mim próprio e simplesmente sinto-me eu próprio. Quando encontra o seu lugar certo no universo, todas as estrelas se alinham e você simplesmente torna-se mais leve, mais feliz e orgulhoso de ser quem é.”