Conheça a terapia Barras de Access

Conheça a terapia Barras de Access

Sente que a sua vida chegou a um impasse? Que por muito que tente abraçar novos desafios, e se esforce a toda a hora, parece que nada avança? Pode estar na hora de experimentar a terapia Barras de Access.

O que são as Barras de Access?

A terapia corporal Barras de Access foi criada em 1990 por Gary Douglas, e é inspirada nos princípios da física quântica.

Durante o seu trabalho, o seu fundador mapeou 32 pontos energéticos na região da cabeça. Cada um destes pontos está conectado a um aspeto da nossa vida como a consciência, o controlo, a criatividade, a alegria, a cura, a sexualidade e o dinheiro.

Estes diferentes pontos, quando estimulados de forma correta, tem o potencial de desbloquear as nossas crenças limitadoras, ideias e comportamentos que nos estão a impedir de assumir o controlo das nossas vidas. Quem nos visita para uma sessão de Barras de Access afirma sentir-se mais leve, com a consciência ampliada, e com a capacidade de olhar com uma perspectiva diferente para as possibilidades e oportunidades que a vida lhe apresenta.

Durante uma sessão de Barras de Access as ondas cerebrais desaceleram, permitindo que o acesso a padrões de comportamento e pontos de vista, repetidos desde a infância, ou até de vidas passadas, sejam desbloqueados. Permitindo, assim, que nos conectemos com o momento presente e estejamos mais disponíveis para oportunidades futuras.

Como funciona uma sessão de Barras de Access?

Por ser uma técnica não invasiva, pode ser praticada em qualquer pessoa – desde jovens a idosos, incluindo grávidas. É também uma técnica que não exige um local ou equipamentos especiais, sendo apenas necessário que seja aplicada por uma pessoa devidamente habilitada, como é o caso dos terapeutas aqui no Instituto Hoya.

Cada sessão dura aproximadamente uma hora, podendo ser repetida com a frequência desejada, sendo que o ideal é uma vez por semana. Tradicionalmente o paciente estará deitado durante a sessão, para que esta seja o mais confortável possível. Uma vez que o terapeuta precisa apenas de tocar na cabeça do paciente, este permanece vestido durante a sessão.

No final o terapeuta irá partilhar consigo o que sentiu em cada um dos pontos, dando-lhe algumas orientações para que possa continuar o trabalho em casa, entre sessões.

Os pontos das barras de access

Como já falamos, estes 32 pontos estão espalhados na região da cabeça, e cada um deles está relacionado com uma área específica da existência humana. Estes pontos são:

Região frontal

  • Tristeza
  • Túneis do Tempo e Espaço
  • Alegria

 

Topo da cabeça

  • Coroa de Mystar
  • Reativação e Recriação
  • Sexualidade
  • Torradeira do envelhecimento
  • Corpo
  • Barra Ponte

Laterais

  • Esperanças e Sonhos
  • Forma e Estrutura
  • Cura
  • Tempo e Espaço
  • Comunicação
  • Dinheiro
  • Consciência
  • Controle
  • Criatividade
  • Criando conexões
  • Criando formas de vida
  • Círculo de manifestação
  • Bondade, Gratidão, Paz e Calma
  • Banda de poder
  • Banda de Implante

Que beneficios esperar da sessão de Barras de Access?

Depois de uma sessão de Barras de Access é natural que sinta uma maior clareza em relação à sua vida e ao mundo em que vivemos. É óbvio que apenas com uma sessão não irá sentir efeitos duradouros, contudo irá sentir-se diferente durante os primeiros dias.

Os principais benefícios que os nossos pacientes apontam como resultado da terapia de Barras de Access são:

  • Maior clareza mental face ao mundo e ao futuro,
  • Maior motivação para as atividades do dia-a-dia,
  • Sensação geral de bem-estar e felicidade,
  • Maior capacidade de concentração e foco,
  • Diminuição das insónias, e sintomas de ansiedade e depressão,
  • Maior autoestima e autoaceitação,
  • Diminuição do stress, dos ataques de panico e do défice de atenção.

Será que as Barras de Access funcionam mesmo?

De acordo com a neuropsiquiatra Gesika Amorim, foram realizados estudos com recurso a eletroencefalogramas, que tinham como objetivo observar o comportamento das ondas cerebrais, antes e depois de uma sessão de Barras de Access.

O estudo concluiu que após a estimulação dos 32 pontos a velocidade do processamento cerebral reduziu, semelhante ao que acontece com a meditação. Esta diminuição da velocidade permite que o terapeuta consiga trabalhar cada uma das emoções associadas a cada ponto, resolvendo os seus problemas.

E sabe qual é que é a coisa que mais gostamos nesta terapia? É que, ao contrário da maioria das terapias holísticas, não é necessário que o paciente esteja conectado com o terapeuta, nem que acredite no poder da terapia. Ela simplesmente vai funcionar.