A verdadeira origem das suas dores físicas (que na verdade são emocionais)

A verdadeira origem das suas dores físicas (que na verdade são emocionais)

Aqui no Instituto Hoya, sempre que cuidamos do corpo físico de quem nos visita, curamos sempre a parte emocional e espiritual, e não é por acaso. As nossas dores físicas são sempre um espelho da nossa alma, pois elas refletem aquilo que o nosso lado emocional já não consegue aguentar mais.

As doenças são manifestações do inconsciente, que sinalizam questões internas mal resolvidas. As nossas crenças limitadoras, a nossa resistência à mudança e as nossas emoções criam um desequilíbrio nas nossas emoções, que se refletem no nosso corpo.

Venha conhecer melhor as origens das suas dores físicas, para que possa começar hoje a agir diretamente na sua causa.

O que representam as suas dores?

As nossas dores, e doenças físicas espelham as dores e doenças do nosso emocional e espiritual. Estas são as causas principais destes doenças:

Alergias – são mais comuns em pessoas mais stressadas, e que se deixam irritar pelos comportamentos e atitudes de outros. Ter um estilo de vida mais calmo e procurar compreender melhor quem o rodeia é o mais indicado para estas pessoas.

Anemia – espelha falta de confiança em si mesmo.

Doenças respiratórias – são características de pessoas que querem fazer tudo ao mesmo tempo e se sentem desesperadas por estarem sempre a correr.

Artrite – a doença mais comum nos perfecionistas, insistentes e excessivamente críticas consigo e com os outros.

Asma – acontece em pessoas que se deixam absorver pelo sentimento de culpa.

Problemas na bexiga – aparecem em pessoas que guardam todas as suas dores e preocupações para si.

Bulimia – surge em pessoas que não se acham boas o suficiente, ou sentem ódio por si próprias.

Cancro – está intimamente ligado com ressentimentos profundos.

Problemas na coluna – depende da zona das costas em questão, mas regra geral é associada a pessoas que gostam de fazer tudo sozinhas.

Doenças do coração – desenvolvidas por pessoas que não vivem do amor e da felicidade.

Problemas dentários – os dentes representam a nossa família e a relação que temos com ela. Os problemas e dores de dentes, ou gengivas, são mais comuns em pessoas que se responsabilizam por todas as situações familiares.

Dor no pescoço/nuca – representam conflitos internos entre razão e emoção.

Problemas digestivos – aparecem a pessoas com grandes resistências à mudança.

Doenças do fígado – são apresentadas por pessoas que acumulam sentimentos de raiva e rancor.

Problemas de garganta – também são associados ao medo da mudança, e à dificuldade de falar o que se pensa/sente.

Diagnóstico e Tratamento

Agora que já conhece as doenças emocionais que afetam o seu corpo físico, deve estar a perguntar-se: mas como é que eu sei se os sintomas que estou a sentir são um resultado das minhas emoções, e não dos meus hábitos alimentares, más posturas, etc?

Olhe para a sua vida: é daquelas pessoas que acorda já cansada? Que só a ideia de ir para o trabalho a deixa frustrado? Passa o dia a reclamar das atitudes dos outros? Desde que chega a casa até se deitar, está o tempo todo a gritar? Reflita sobre o rumo que a sua vida está a levar, e questione-se sobre o seu estado emocional.

Para além disso, algumas doenças podem ter uma explicação física, mas serem influenciadas também pelo seu estado psíquico. Sintomas do trato gastrointestinal por vezes são exemplos de quadros cuja origem pode ser inflamatória e, ao mesmo tempo, influenciada por estresse e ansiedade.

Independentemente da origem do problema, comece por marcar uma consulta com o seu médico para fazer exames, e começar a tratar os sintomas físicos da forma recomendada.

Depois, marque a sua primeira sessão no Instituto Hoya para que possamos fazer uma avaliação, e iniciar uma terapia que lhe permitirá começar a tratar o problema na origem. Verá, em pouco tempo, como a sua vida vai mudar para melhor.