You are currently viewing O que precisa de saber sobre o Tantra e como pode ajudar a libertar-se dos Traumas

O que precisa de saber sobre o Tantra e como pode ajudar a libertar-se dos Traumas

O Tantra é uma prática que existe há séculos, com o objetivo de ajudar as pessoas a se conectarem ao seu próprio Eu divino, a sua essência e o seu verdadeiro propósito nesta vida.

Esta prática pode ajudar as pessoas a trabalhar através dos seus traumas, já que o tantra ajuda a resgatar as suas energias que estão perdidas no trauma. Isto porque, aos olhos do tantra, os traumas que não tratamos, acumulam-se em energias negativas, que nos impedem de continuar a evoluir.

Com os ensinamentos do tantra, e as suas práticas, como os mantras, a respiração pranayama, e o prazer pela vida, poderá conseguir ultrapassar os seus traumas. Venha descobrir como!

O que é o tantra e quais são os seus benefícios?

O tantra é uma prática espiritual antiga, que teve a sua origem na Índia. É um sistema de filosofia e meditação que visa criar uma união entre o indivíduo e o divino. O tantra está frequentemente associado a práticas sexuais, mas estas são apenas um aspeto desta complexa e diversificada tradição.

Esta prática tem muitos benefícios, incluindo a melhoria da saúde mental e física, aumento da criatividade e produtividade, e uma ligação mais profunda com o divino. Além disso, pode ser praticado por qualquer pessoa, independentemente da idade, sexo, ou religião.

O Tantra Karuna, que aplico e ensino no Instituto Hoya olha para cada pessoa como um todo, e entende de que forma é que ela se relaciona consigo, com os outros e com todos os organismos que existem no meio.

Por meio da respiração consciente, com a respiração pranayama, alcançará um estado de relaxamento profundo, ampliando e intensificando a perceção de prazer por todo o corpo. O bem-estar e a leveza irão cuidar do seu estado emocional, físico e espiritual, aumentando a sua autoestima e autoconfiança.

O que é o trauma e como pode o tantra ajudar a resolvê-lo?

Como já vimos, o tantra é uma prática antiga que teve a sua origem na Índia, há mais de 5.000 anos atrás. É uma filosofia, e um modo de vida, que ensina as pessoas a ligarem-se à sua própria divindade interior e à sua verdadeira essência.

As suas práticas ajudam-nos a encontrar o verdadeiro amor: aquele que está dentro de nós! Sem julgamentos do que é certo ou errado, e sabendo que cada pessoa é um Universo complexo, e por isso não existem regras rígidas que se aplicam a toda a gente.

O Tantra que ensino foi o que os mestres do Nepal me ensinaram, e que o podem ajudar a encontrar a verdadeira felicidade e amor na sua vida.

Como se começa a praticar o tantra e a resolver traumas?

Não existe uma única forma de começar a integrar algumas práticas no tantra no seu dia a dia. Mas, naturalmente, o primeiro passo é começar por um Workshop de Tantra (em que irá aprender a base e os rituais que deve adicionar à sua rotina), ou iniciar um processo de terapia tântrica, com uma primeira sessão.

Também pode querer considerar o estudo da meditação e da consciência no momento presente, como uma base para se conectar mais com a sua energia original, e trabalhar os seus traumas.

É importante ser paciente e gentil consigo mesmo ao começar a explorar este caminho. Os traumas podem ser muito sensíveis e ter um grande impacto em nós, por isso é importante levar as coisas devagar, e estar atento às suas próprias necessidades. Certifique-se de encontrar um ambiente seguro e de apoio, onde se sinta à vontade para explorar.

O que se deve esperar durante uma sessão de tantra?

Quando entrar numa sessão de tantra, deve esperar ser saudado pelo seu terapeuta. Ele irá ajudá-lo a instalar-se e a sentir-se confortável, para depois começar a sessão. O terapeuta irá guiá-lo-á através de uma meditação e de exercícios respiratórios para o ajudar a relaxar – a respiração pranayama.

Depois, o terapeuta começará a introduzir-lhe os conceitos do tantra. Discutirão a filosofia por detrás e falarão sobre de que forma é que ela o pode ajudar a ligar-se a si próprio e aos outros. Ser-lhe-ão ensinados sobre os diferentes centros de energia do seu corpo (os chakras) e como usar a respiração e o tato para os estimular.

A massagem tântrica é completa e também usa meditação e respiração para “redirecionar a energia do paciente”.

Durante o tratamento, a energia é conduzida pelos chakras (pontos de energia no corpo humano). Dessa forma, a pessoa desperta a área adormecida do corpo para gerar uma nova sensação. Além dos efeitos físicos, esses exercícios também expõem os pacientes a emoções adormecidas e até mesmo traumas emocionais e sexuais do passado.

Este é um processo de tratamento que se baseia mais no corpo e no tato do que na voz. No entanto, antes do início da reunião, é feita uma verificação de anamnese para entender as suas necessidades e orientar a massagem.

Se não se sentir preparado, não precisa de falar, ou partilhar acontecimentos, sobre o seu trauma. Toda a mudança irá acontecer dentro de si, e por isso, o terapeuta estará disponível para o ouvir, mas não o vai obrigar a contar nada.

Ajudando a ultrapassar os traumas

Sabemos que o trauma ocorre devido a alguma forma de abuso físico / emocional / sexual. Graças a ele, são formadas crenças limitadoras, que o irão restringir, e talvez até impedir o seu desenvolvimento, numa ou várias, áreas da sua vida.

Olhemos para um exemplo prático, de forma a entender como é que o Tantra nos pode ajudar a ultrapassar um trauma:

Alguém que, quando era criança, tenha sofrido um incidente de abuso, é natural que em adulto sinta alguma dificuldade em estabelecer relações saudáveis e de confiança, com outros. Isto porque, no momento do que aconteceu, o corpo emocional da criança, com o objetivo de se proteger do sucedido, vai criar uma barreira emocional, com o objetivo de prevenir e aliviar a dor.

Já na vida adulta, para esta pessoa, será difícil para ela estabelecer uma relação saudável com as imagens de homem / mulher, e será difícil para ela sentir-se confiante, e até estabelecer relações de intimidade e proximidade com os outros.

Não entender as causas destes sentimentos e dificuldades podem levar à tristeza e depressão.

O tantra vai ajudar exatamente neste ponto: vai permitir que a sua o seu Eu físico, emocional e espiritual se abram, e se conectem com a realidade do momento presente.

Os traumas que experimentamos ao longo das nossas vidas podem criar bloqueios na nossa energia, que nos impedem de viver as nossas vidas de forma completa e feliz. O tantra é uma prática que nos pode ajudar a desbloquear estes bloqueios e a recuperar o nosso poder. Se estiver interessado em saber mais sobre como o tantra o pode ajudar a libertar-se do seu trauma, marque hoje a sua primeira sessão. Ficamos à sua espera!